O velho campo do Progressista, onde começamos o Clube Formador Projeto Brasileirinho


16092011(008)DSC01065 DSC01066

Escrito por Patrick Veloso
Diretor executivo
email: patrickvelososabino@gmail.com
email: projetobrasileirinhoapoio@gmail.com

Este é o nosso “Maracanã”, um local onde pude realizar o meu sonho de ter um projeto social para meninos jogarem futebol, de ter um local mesmo com tantos problemas, é a nossa casa, nele fiz amigos, ganhei “filhos de coração” de professor a pai, de professor a amigo, em cada treino, em cada jogo um emoção diferente.

  1. O primeiro sonho saído do valente e maltratado Progressista foi jogarmos a Copa Nike com os meninos da nossa comunidade, meninos pobres, mas ricos em sonhos e este foi o da “hora”.
  2. Segundo sonho a brotar das areias, barro, mato e as vezes grama foi o nosso time que fez o nosso primeiro jogo contra uma equipe de futebol profissional, meninos valentes, que muitas vezes ralaram seus pés, joelhos no velho Progressista, que os fez fortes e valentes para enfrentar tão forte adversário e arrancar um empate em 2 a 2, depois fomos ao velho Progressista, treinar, tentar dominar a bola que pula feito as rãs, não se deixa dominar, ufa que luta…
  3. Terceiro sonho: Os frutos deste Progressista ensopado pela chuva com as suas lagoas a defenderem os gols, retendo a bola e enganando a todos dos zagueiros aos atacantes, coitados dos goleiros que pareciam mergulhadores a caça de girinos, sim as nossas pequenas rãs no brejo do Progressista, que enfim viraram iguarias para o nosso deleite… humm delícia!

Barcelona X CSE BrasileirinhoSAM_0048.jpg

sMizPb39GP3jgeHS2hDv9ZCiloWjwdw21346159795966

As Copas que disputamos, a Copa Nike, a Copa Zico, a Copa Coca Cola, as peneiras feitas para a comunidade de Santa Lúcia, cada olhar a brilhar, esperando jogar o seu melhor no campinho do Progressista, nosso velho “Maracanã” e dele escolher o seu atleta, seu melhor jogador, não o melhor, mas os melhores que irão jogar em campos garbosos, mas nunca igual ao velho Progressista, nosso professor, mentor e nos mostrar os seus caminhos, seus ensinos no trato da bela, sim bela e gentil bola de futebol…
São tantos sonhos, hoje, um desses meus filhos de coração, joga futebol profissional, fruto do campo do Progressista, “um bailarino” da bola… Ah, como se entenderam tão bem: a bola, o campo e o meu menino. Cada montinho, buraco e mato adornaram as suas peripécias, jogadas de efeito realizadas com a cumplicidade do velho Progressista que sempre ajudava a fazer seus gols.
Hoje o menino luta para buscar as vitórias da vida graças ao campinho do Progressista.
São 3, 13, 22, 30, 45, 120, 250, 300… meninos, meninas, jovens, adultos, veteranos que jogam seu futebol, neste “Maracanã” onde a grama luta para crescer nas areias tórridas no calor do verão, nas águas da chuva (Eita, aguaceiro!) Mas está sempre ali à disposição da nossa comunidade!
Imagino o Progressista gramado, o orgulho, o respeito de todos. Como será legal os treinos de segunda-feira, o coletivo da terça, o treino técnico da quarta e o —“arrrrrrggghhhhhh!!!!”— treino físico da quinta (Como reclamam!). Com um gramado igual ao do primo rico Maracanã, aí, o treino físico ficará doce feito mel. Todos vão querer! Até o “Soninho”, nosso amigo dorminhoco da sexta-feira. E, enfim o dia da glória, a casa cheia nos jogos dos fins de semana, simplesmente fantástico, sensacional!
Ah! O Velho Progressista, campo que faz a molecada praticar esporte e estudar, sim, estudar. Pois para treinar e jogar a gurizada tem de estar na escola, e com boas notas, senão o professor não deixa.
No campo do Progressista a educação física fica doce, bacana, na pouca grama que temos, nas beiradas e beiras das valetas. Tomamos o devido cuidado para não cair de bumbum no chão, por causa dos buracos. Como são engraçados os escorregões que eles nos causam… Igual ao que aconteceu ao nosso professor que foi chutar a bola de pé descalço, que falta de respeito, na grama molhada e pimba escorregou, bola “prum” lado, professor para o outro e uma risada gigantesca de todos, alunos, pais e até do próprio professor, foi divertido, mas nem sempre é assim engraçado.
Outro dia um dos meninos teve a infelicidade de pisar num dos muitos buracos e fraturou o tornozelo, maldade do velho campo do Progressista, menino este que iria jogar uma copa. Como chorou de dor e tristeza, mas os buracos vão acabar! Sonhou o menino… E é vida que segue. Houve mais um buraco no caminho de outro jovem. Aquele grandalhão com os seus 15 anos, jogador de boa estatura, bom tecnicamente saiu em disparada para defender a sua zaga no jogo treino de sábado, mas entre ele e a bola, faceira que só, quicou no montinho, onde um tufo de mato o fez perder o equilíbrio, cair e bater com o ombro no chão. Ai que dor! Direto para o hospital. E o professor foi até lá tentar consertar um pouco do nosso campo…, o Velho Progressista precisa de cuidados, para que sonhos de meninos como esses não se percam por causa de um buraco.
Ah! Como sou grato a este velho amigo, que muito realizou os nossos sonhos, muitos sonhos.
Graças a ele criamos o nosso projeto esportivo, que orgulha a nossa comunidade, onde pudemos tirar as crianças, jovens e até alguns adultos da rua, dos descaminhos da vida, do “canto da sereia” a convidar para “baladas”, para as drogas onde muitos se perderam, mas por causa do velho campo do Progressista, outros muitos se encontraram através do esporte.
Obrigado Velho Progressista pela sua acolhida, são tantos os sorrisos causados por você, como dizem os meninos: “Tamos juntos e misturados, velho amigo!”

Anúncios

Obrigado por deixar registrado seu comentário, o Projeto Brasileirinho agradece e por favor sempre que desejar use este canal de comunicação!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s